Na Alego, Caiado fecha acordo com setor empresarial sobre corte nos incentivos

O governador eleito Ronaldo Caiado esteve na Assembleia na tarde desta terça-feira para se reunir com empresários, deputados e dirigentes empresariais na tentativa de sacramentar o projeto de lei que altera a política de incentivos fiscais.

Depois de muita conversa, mediada pelo presidente da Alego, José Vitti , o acordo foi fechado. A Mitsubishi e Caoa ficaram de fora do acordo e podem sair de Goiás.

Estiveram presentes Otavinho Lage (Adial), André Rocha (Sifaeg), Pedro Alves (Fieg) e Edwal Portilho.

Caiado afirmou que o acordo com o setor automotivo será feito em janeiro próximo, em âmbito nacional, pela Câmara dos Deputados.