Depois de 41 dias de governo, Caiado se torna o maior carrasco da história do funcionalismo público

Os primeiros 41 dias de governo são trágicos e catastróficos para o servidor público estadual.
Virou bode expiatório da crise fiscal e tem sido vítima de todo tipo de perseguição.
É uma pancada atrás da outra e não há dia algum no qual um novo raio caia na cabeça do funcionalismo.
Com tanta maldade e covardia em tão pouco tempo, Caiado ganhou fácil o título de maior carrasco da história do servidor público estadual.
Iris virou mocinho.