Pedregulhos caiadistas (1): virar a página da guerra salarial e pagar a folha de dezembro

O pedido de bloqueio das contas do Estado para o imediato pagamento dos salários de dezembro, feito pelo Ministério Público Estadual (MP-GO), tornou insustentável a teimosia do governador Ronaldo Caiado (DEM) de seguir adiante com o calote.

Caiado precisa rever diversos posicionamentos políticos e administrativos caso queira assumir, de uma vez por todas, o comando do governo. Entre eles está virar a página da guerra sobre as responsabilidades pelo atraso, imputadas ao ex-governador José Eliton, e pagar logo a folha de dezembro.

A folha de dezembro é um dos pedregulhos que travam o mandato e contribuem para a desilusão geral do funcionalismo sobre o futuro do relacionamento com Caiado.