“Enel levou Goiás a apagão”, protesta deputado federal e presidente da Faeg

O deputado federal e presidente da Federação da Agricultura e Pecuária de Goiás (Faeg), José Mário Schreiner (DEM), proferiu duro discurso durante protesto contra a má prestação de serviço da Enel, empresa italiana que adquiriu a Celg-D e a responsabilidade pela distribuição de energia no Estado. “É inadmissível o que eles estão fazendo não somente com o produtor rural, mas com todo o povo goiano”, esbravejou. “A situação é insustentável. Imagine ficar mais de dez dias sem energia. Quando eles assumiram a Enel, tinham um plano de recuperar totalmente, em três anos, a capacidade de crescimento do estado e distribuição de energia. Já se passou dois anos e a qualidade piorou. Este protesto é apenas o início. É preciso tomar uma providência, inclusive com a empresa encontrando outro lugar, não em Goiás”, disse José Mário. O deputado, que representa o setor produtivo, exige atuação mais intensa para a fiscalização por parte da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), que fiscaliza o setor no País.