Familiocracia caiadista: sem mandato, Gracinha incomoda aliados interferindo na administração

A participação ativa da primeira-dama Gracinha Caiado na administração vem incomodando – e causando transtornos – a equipe e os aliados do governador Ronaldo Caiado (DEM).

Com a permissão do governador, Gracinha, que não se contenta com a presidência de honra da Organização das Voluntárias de Goiás (OVG), praticamente presidiu ontem a reunião do Secretariado. Ela se sentou à cabeceira da mesa de reuniões.

A interferência da primeira-dama, antes comparada, já é considerada além da participação de Íris Araújo (MDB) nas decisões do prefeito de Goiânia, Iris Rezende (MDB).

Gracinha ainda trava nos bastidores uma batalha pesada pelo poder com a filha de Caiado, Anna Vitória.