CPI dos Incentivos Fiscais vai ser pedreira: terá participação do MP, do TCU e tribunais do Estado e Municípios, “todos com carta livre para investigar”

A CPI dos Incentivos Fiscais terá participação de membro do Ministério Público, de um auditor do Tribunal de Contas da União, bem como dos Tribunais de Contas do Estado e Municipais. Todos eles, “com carta livre para investigar todos os documentos que hoje estão na secretaria da Economia. Minha torcida é que, ao final da CPI, tudo tenha sido feito corretamente”, explica o relator, deputado Humberto Aidar.