Negociata: “Bruno sabotou orçamento impositivo e ganhou recompensa de Caiado”, denuncia deputado

O deputado estadual Cláudio Meirelles (PTC) usou a tribuna da Assembleia Legislativa para denunciar uma negociata nos subterrâneos do governo Caiado: ele diz que o seu colega Bruno Peixoto (MDB) sabotou o orçamento impositivo, que obrigava o Estado a destinar 1,2% do orçamento para emendas parlamentares, e como recompensa ganhou a função de líder do governo.

Isto é negociata. É conchavo, que Caiado prometeu acabar se fosse eleito.