Caiado mantém Chitãozinho nomeado Embaixador do Araguaia apesar de processo por danos ambientais à região do rio

Atual embaixador do programa do governo de Goiás pela preservação do Rio Araguaia, o cantor Chitãozinho, da dupla com Xororó, responde a um processo na Justiça por dano ambiental em 58 hectares da fazenda que ele tem na região da bacia. A juíza Marianna de Queiroz Gomes, de Mozarlândia, onde fica a Fazenda Galopeira do cantor, determinou que seja feito um Plano de Recuperação da Área Degradada a ser executado em até dois anos, sob pena de R$ 1 mil de multa diária por até 60 dias. Cabe recurso e está marcada audiência de conciliação para 6 de junho. (Texto G1)