Não tem outro nome: Operação Decantação foi abuso de poder pelo MPF

O severíssimo juiz Rafael Ângelo Slomp, da 11ª Vara da Justiça Federal de Goiânia, rejeitou a denúncia da Decantação feita pelo Ministério Público Federal (MPF), afirmando que ela é “inepta” e sem provas.
Os estragos na vida dos denunciados foram terríveis e irreversíveis.
É um caso de abuso de poder.