VÍDEO Pior concessionária do Brasil, Enel poderá ser obrigada a prestar contas anualmente à Câmara

Projeto aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) nesta quarta-feira (10) obriga a Enel, concessionária de energia que atua em Goiás, a prestar contas anualmente, no mês de novembro, à Câmara Municipal. A proposta prevê que a companhia apresente ao Legislativo, em reunião a ser agendada entre a Câmara e a Enel, “relatórios de arrecadação e de despesas com a prestação do serviço público no município de Goiânia”;  “relatório de investimentos realizados em infraestrutura e manutenção”; além de “outra informações de interesse público”. Segundo a autora do projeto, vereadora Tatiana Lemos (PCdoB), por se tratar de um serviço público concedido pelo município, a empresa deve prestar contas sobre os valores arrecadados e os serviços realizados para a melhoria do fornecimento de energia. Para virar lei, o projeto precisa passar por duas votações no Plenário.
Veja: