Má notícia para Caiado: “Estados e municípios não deverão ser inclusos no segundo turno”, garante deputado

O deputado federal e líder do governo Bolsonaro na Câmara dos Deputados, Major Vitor Hugo (PSL), disse ao Jornal Opção que estados e municípios não deverão ser inclusos no segundo turno na segunda votação da reforma da Previdência na Câmara. Para ele, segundo o Opção, “a tendência é que a votação tenha resultado semelhante à do primeiro turno. Em relação aos destaques, o parlamentar acha pouco provável que haja a reinclusão de Estados e municípios”.

“Até porque as possibilidades regimentais são muito menores, uma vez que o Regimento da Casa só prevê os destaques supressivos acerca do texto que foi aprovado em primeira votação. Logo, Estados e municípios não deverão ser inclusos no segundo turno”, afirma o deputado ao jornal.