Em entrevista, diretor da Adial nada diz sobre ter sido procurado por deputado atrás de propina

Convocado pela CPI dos Incentivos Fiscais da Assembleia Legislativa, o diretor-executivo da Associação Brasileira Pró-Desenvolvimento Regional Sustentável (Adial), Edwal Portilho, deu entrevista nesta segunda ao Jornal Opção, mas nada falou sobre deputados que teriam ido pedir dinheiro para ele para esfriar a CPI. Quem levantou essa lebre foi o próprio Edwal. De qualquer maneira, terá oportunidade de esclarecer este fato no seu depoimento.