Contratação de ex-assessores de Eliton e Daniel acirra birra de caiadistas com a Adial

A contratação pela Adial dos ex-assessores de imprensa de Zé Eliton e Daniel Vilela, jornalistas Jarbas Rodrigues Jr. e Bruno Rocha Lima, acirrou a birra que os caiadistas têm com a entidade e com os incentivos fiscais.

Setores próximos ao governador Caiado avaliam que a Adial está contaminada por política partidária e citam que o presidente da entidade, Otavinho Lage é do PSDB e o vice, Edwal Portilho, é do MDB vilelista.

A entrada em cena de Jarbas Rodrigues Jr. e Bruno Rocha Lima coloca ainda mais lenha na fogueira, uma vez que os dois atuaram na campanha eleitoral em estruturas de oposição que teriam montado dossiês contra Caiado.

“Com tantos jornalistas disponíveis no mercado, porque a Adial tinha que contratar justo os assessores de imprensa de Zé Eliton e Daniel Vilela?”, indaga um palaciano, completando: “Otavinho cometeu um erro estratégico que pode custar caro à entidade que dirige”.