Caiado criticou indicação de Sérgio Cardoso para o TCM por ser cunhado de Marconi, mas agora quer indicar primo para o cargo

Nada como um dia após outro, diz o ditado popular.

O governador Ronaldo Caiado condenou a indicação de Sérgio Cardoso para o cargo de conselheiro do Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) no governo Zé Eliton.

Caiado dizia que nomear Cardoso, por ser cunhado do ex-governador Marconi Perillo, era uma imoralidade.

Agora, Caiado quer indicar o primo Ernesto Roller para o mesmo cargo no TCM.