Custo da iluminação das GOs que Caiado deixou de pagar não passa de R$ 200 mil mensais, uma ninharia para o governo de Goiás

O fornecimento de energia para a iluminação GOs, conforme foi determinado pelo governador Ronaldo Caiado, vai gerar insegurança à população.

E mais: a escuridão vai estimular os vândalos e ladrões a roubar toda a fiação , cabeamentos e transformadores que alimentam o sistema de iluminação. Com a falta de energização, os bandidos não correm o risco de levar choques e aí roubam tudo, ficando só os postes e as luminárias que são a partes mais baratas da estrutura de iluminação.

Um engenheiro eletricista fez as contas a pedido do G24H e concluiu o valor da energia consumida na iluminação não passa de irrisórios R$ 200 mil reais mensais, uma gota d’água para o governo estadual.

A redução do índice de acidentes nas GOs iluminadas no período noturno caiu a quase zero, apontam dados da antiga Agetop a quem o G24H teve acesso.