Justiça decide amanhã pedido de prisão domiciliar de João de Deus, preso há 11 meses, o mais idoso do sistema carcerário de Goiás hoje e com a saúde muito debilitada

A Justiça decide amanhã sobre o pedido de prisão domiciliar de João de Deus. O médium enfrenta graves problemas de saúde e a permanência dele no presídio coloca em risco a vida dele. A solicitação se dá devido ao precário estado de saúde.
Há ainda o excesso de prazo da prisão de JD, quase 11 meses.

E a idade do preso. Ele tem 78 anos, sendo o preso mais idoso do sistema carcerário.