Presidente do sindicato alerta: 500 contratos de agentes penitenciários vencem neste mês e nova seleção só começa em dezembro

O sindicato dos agentes penitenciários alerta para risco de motins e rebeliões nas cadeias de Goiás a partir deste mês. Maxuel Miranda avisa que no dia 22 de outubro vencem cerca de 500 contratos temporários. E a prova do processo seletivo vai acontecer apenas em dezembro. Ou seja, a partir de 22 de outubro, o sistema penitenciário goiano vai funcionar com 500 agentes a menos. Se a situação já não é das melhores atualmente, imaginem como vai ficar diante desse déficit.

Veja abaixo o vídeo gravado por Maxuel: