EXCLUSIVO STF nega abrir prazo maior para cumprimento de decisão sobre limite da folha

Fracassou a tentativa de Caiado de conseguir um prazo maior para cumprir a decisão do STF de incluir aposentados e outras despesas no cálculo do índice com gastos da folha dos servidores para efeito da Lei de Responsabilidade Fiscal. Ministros da Suprema Corte negaram qualquer possibilidade de atender ao pleito do governador. O governo vai ter de se virar por aqui mesmo para fazer o corte de R$ 1,49 bilhão.