De saída do Hugo, OS Haver denuncia parcialidade da Secretaria da Saúde e inicia transição para transferir gestão do hospital

Leia a íntegra da carta da OS Haver que está de saída do Hugo depois de denunciar parcialidade no processo de chamamento público da nova OS que vai gerir o hospital.

A OS Haver teve o contrato prorrogado por mais 60 para fazer a transição da gestão da unidade hospital, tendo já manifestado que não tem interesse em prosseguir à frente do Hugo.

PROPOSTA AO TERCEIRO TERMO ADITIVO PARA PRORROGAÇÃO DO CONTRATO DE GESTÃO