Caiado tenta jogar nas costas de ministro do STF a redução do salários dos servidores

O governador Ronaldo Caiado (DEM) tentou jogar nas costas do ministro Alexandre de Moraes a ideia de reduzir a jornada de trabalho para cortar o salário dos servidores estaduais, que ele defende desde o início do governo e chegou a até mesmo a protocolar ação no STF.

Na maior cara de pau, Caiado diz de viva voz que o ministro sugeriu encurtar a carga horária para diminuir os vencimentos, de modo adequar os gastos com pessoal às exigências da Lei de Responsabilidade Fiscal.

Assista: