Polícia vai recuperar áudios do interfone de Bolsonaro para ver quem autorizou entrada do suspeito de matar Marielle

A Polícia Civil do Rio de Janeiro quer saber quem, na casa de Jair Bolsonaro, liberou a entrada do policial Élcio Queiroz, em seu condomínio, no dia da morte de Marielle Franco. “Os investigadores estão recuperando os arquivos de áudio da guarita do condomínio para saber com quem o porteiro conversou naquele dia e quem estava na casa 58”, informa reportagem publicada na Folha de S. Paulo.