Afinou? Humberto Teófilo desiste de falar na tribuna após servidores vaiarem Bruno Peixoto

O deputado estadual Humberto Teófilo estava listado para discursar na tribuna durante o Pequeno Expediente. Quando foi chamado pelo presidente Lissauer Vieira, Teófilo abriu mão e continuou sentado. Antes, o líder do governo, Bruno Peixoto, havia tomado uma vaia monumental ao defender o projeto de lei que privatiza a Saneago. Ou Teófilo afinou para as galerias ou cansou de defender Caiado.