Prefeito de Campos Verdes confirma informacão do G24H: população da cidade está se desidratando

O presidente da Federação Goiana de Municípios (FGM) e prefeito de Campos Verdes, Haroldo Naves (MDB), confirmou em entrevista ao jornal O Popular o que o Goiás 24 Horas havia publicado e ele contestou: o município está mesmo em franca decadência e a população diminui a passos largos devido a quebra da atividade de garimpo de esmeralda.

Naves  é considerado um prefeito ausente da cidade. Ele é criticado em Campos Verdes por dedicar mais tempo à FGM em Goiânia, delegando a gestão à primeira-dama, que também exerce várias outras funções na prefeitura.

O prefeito agora está também preocupado com a extinção de Campos Verdes. A nova PEC do Pacto Federativo prevê a anexação de municípios com menos de 5 mil habitantes à municípios vizinhos.

No caso de Campos Verdes a história é trágica: de 2010 pará cá, mais de 12% da população deixou a cidade, que tem hoje, segundo as próprias palavras do prefeito, 2.459 habitantes.

O desespero toma conta de Naves, o prefeito-ausente, de Campos Verdes, que pode ficar sem a prefeitura – e também sem a FGM – a partir do próximo Censo do IBGE.