Cristiane Schimdt compra briga com auditores fiscais ao dizer que eles não ganhariam R$ 10 mil na iniciativa privada

O presidente do Sindifisco, Paulo Sérgio dos Santos Carmo, relata que a secretária estadual da Economia, Cristiane Schmidt, tratou do descaso da categoria dos auditores fiscais, que reivindica concessão de progressão na carreira.

“Ela disse que nenhum de nós poderia reclamar, que os insatisfeitos poderiam sair e que não ganharíamos mais de R$ 10 mil na inciativa privada”, assinalou.

Paulo Sérgio disse que Schmidt teve postura deselegante na reunião dos delegados fazendários.