Assembleia derruba decisão de Caiado que ferrava servidores do Ministério Público, Legislativo e Tribunal de Justiça

Graças à resistência de deputados estaduais da oposição, a Assembleia Legislativa derrubou, nesta terça-feira, veto do governador Ronaldo Caiado aos dispositivos legais que excluem servidores do Ministério Público, Tribunal de Justiça e Assembleia Legislativa das novas regras do Estatuto dos Servidores. 

Na justificativa do veto, Caiado disse que é necessário estabelecer ‘regras iguais para todos os servidores do Estado. Os deputados da oposição discordam e dizem que categorias de servidores regidas pelas respectivas Leis Orgânicas de cada órgão.

A governadoria argumenta, no entanto, que a autonomia administrativa e financeira não justificaria a exclusão das categorias do novo Estatuto.