Agenda Aparecida 2050 vai discutir saúde pública no próximo sábado

A 3ª edição do fórum Agenda Aparecida 2050 vai abordar a saúde pública. Todos os moradores da cidade, especialmente da região do Papillon Park, estão convidados a participar do evento neste sábado (14), a partir das 8h, na faculdade Fanap. A entrada é gratuita. Qualquer pessoa pode participar dando sua contribuição para melhoria da saúde e de áreas como segurança, educação, mobilidade urbana e desenvolvimento econômico.
O secretário de Saúde de Aparecida, Alessandro Magalhães, estará no fórum para dialogar com a comunidade. Ele participará de uma mesa redonda às 8h30, ao lado da doutora em enfermagem e mestre em atenção à saúde da PUC Goiás, professora Adenícia Souza.Iniciado em novembro passado, o projeto Agenda Aparecida 2050 buscar fazer um planejamento estratégico para dar suporte às decisões da Prefeitura de Aparecida na administração da cidade nos próximos 30 anos. Ou seja: pensar o futuro de Aparecida.

As sugestões da comunidade são anotadas durante as mesas redondas e os grupos de trabalho formados logo após as palestras de abertura. Neste sábado, as atividades nos grupos de trabalho vão começar às 10h e se estenderão até o meio-dia.

Participam dos grupos de trabalho pessoas da comunidade em geral, pesquisadores de instituições de ensino superior e especialistas de várias áreas de estudo. Sempre no final de cada fórum é formulado um documento com as informações sobre demandas identificadas e soluções propostas para as situações emergentes.

Pesquisa nos bairros
Antes de cada fórum, a região escolhida para sediar o evento é contemplada com uma pesquisa feita pelo Instituto Fortiori. Profissionais da entidade entrevistam moradores para diagnosticar o perfil da população e as principais demandas da região nas áreas do desenvolvimento econômico, saúde, educação e segurança, entre outros. As questões apontadas na pesquisa são colocadas em discussão nos grupos de trabalho.

A Agenda Aparecida 2050 é uma realização do Grupo Jaime Câmara e conta com o apoio e engajamento da Prefeitura de Aparecida, Associação Comercial e Industrial de Aparecida de Goiânia (Aciag), Conselho de Desenvolvimento Econômico Sustentável e Estratégico (Codese), Conselho de Associações de Moradores de Aparecida de Goiânia (Camap), Sebrae Goiás e das instituições de ensino superior Universidade Federal de Goiás (UFG), Pontifícia Universidade Católica de Goiás (PUC Goiás), Universidade Estadual de Goiás (UEG), Faculdade Alfredo Nasser (Unifan) e Faculdade Nossa Senhora Aparecida (Fanap).