AD

Aparecida anuncia teleatendimento para informações sobre renda mínima e demais ações de assistência social

Trabalhadores informais de Aparecida que têm dúvidas sobre o benefício aprovado pelo Congresso Nacional, de uma renda básica mensal de R$ 600, podem se esclarecer na Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) pelo telefone (62) 3545-5970. O serviço de teleatendimento foi anunciado nesta terça-feira (31) pela secretária de Assistência Social e primeira-dama, Mayara Mendanha.

Mayara participou hoje de live na Prefeitura de Aparecida para anunciar ações da Semas de suporte a famílias carentes e pessoas moradoras em situação de rua nesta quarentena, com o objetivo de conter a disseminação do novo coronavírus. Aparecida tem até o início da tarde desta terça-feira, 31, dois pacientes confirmados com Covid-19 em recuperação.

Equipes da Semas seguirão atendendo a população normalmente nos três Centros de Referência Especializados de Assistência Social (Creas) e na sede da Secretaria, no setor Araguaia. Os profissionais estão fazendo inclusive a atualização de dados no CadÚnico, uma das plataformas que o governo federal usará para conceder a Renda Minima. Para evitar aglomerações nos Creas e na Semas, a Secretaria está reforçando as equipes do CadÚnico, buscando atender as prováveis novas demandas relacionadas ao voucher de R$ 600.

Distribuição de cestas básicas

Outra medida anunciada por Mayara Mendanha é a distribuição de cestas básicas. São duas frentes de trabalho. Essas ações vão beneficiar famílias já participantes dos Centros de Convivência de Aparecida, famílias inscritas no CadÚnico e demandas espontâneas para a Semas. Equipes da Secretaria estão cadastrando as famílias que de fato precisam do benefício.

Quem precisa de cesta básica pode pedir apoio na Secretaria de Assistência Social. O telefone de contato é (62) 3545-5970. Mayara Mendanha fez um apelo para empresários e pessoas da comunidade em geral doarem alimentos e materiais de higiene.

Arrecadação de donativos

Um posto de arrecadação dos donativos já foi montado na sede da Semas. A Secretaria fica situada na Avenida B, Quadra K, no setor Araguaia, próximo ao Terminal Araguaia. “Esse é um momento em que estamos sendo desafiados a ser o mais solidário possível com as pessoas que estão à nossa volta. Vamos todos juntos fazer uma corrente do bem”, conclamou Mayara.

O prefeito de Aparecida em exercício, Veter Martins, também fez um apelo a solidariedade. “O mínimo seu é muito para quem está necessitando”, declarou. Ele e o secretário de Saúde, Alessandro Magalhães, também participaram da live. Quem quiser fazer sua doação pode ligar no telefone (62) 3545-5975. Equipes da Semas se encarregarão de buscar os donativos.

Moradores em situação de rua

A secretária Mayara disse que pessoas em situação de rua em Aparecida estão recebendo da Semas marmitas e kits de higiene pessoal, com sabonete líquido e álcool em gel 70%. Esses kits são entregues também a pessoas dos grupos de risco do coronavírus cadastradas na Secretaria.

Para os moradores de rua, outra novidade é a reabertura do Centro Pop, que serve uma refeição diária e funciona como ponto de apoio para as pessoas tomarem banho e lavarem suas roupas. É possível buscar ajuda também nos Creas, que abrem das 8h às 17h30.

Restaurante Popular

O Restaurante Popular, no Jardim Tropical, foi reaberto hoje, mas só para a retirada de marmitas, para não aglomerar pessoas no salão e evitar, assim, o risco de contágio da Covid-19. O ticket continua no valor simbólico de R$ 2. A unidade seguirá oferecendo 1 mil refeições diárias e funcionará das 11h às 14h para a retirada da alimentação.

De acordo com a titular da Semas, profissionais da Assistência Social estarão no local para organizar as filas, cuidando para manter a distância recomendada de 2 metros entre as pessoas.

Atendimentos nos Cras

Ainda na live, Mayara Mendanha comunicou que todos os Centros de Referência de Assistência Social (Cras) de Aparecida mantêm o funcionamento normal, mas priorizando os atendimentos individuais e domiciliares, numa medida de contenção ao novo coronavírus. Os dois abrigos da cidade também seguem abertos normalmente, tomando as devidas precauções contra a Covid-19.