No DM, Ulisses Aesse garante que Caiado “proibiu” e “brecou” a compra de frutos do mar para o Palácio

Em uma nota-sermão, onde acusa alguns grupos e pessoas de espalharem fake news contra Caiado, o colunista Ulisses Aesse, do Diário da Manhã, garante que o governador proibiu e brecou a compra de uma batelada de frutos do mar e outras comidas luxuosas para abastecer a cozinha do Palácio das Esmeraldas.

O escândalo da lagosta, como ficou conhecido, foi revelado pelo Goiás 24Horas e virou notícia nacional, sendo destaque em vários portais brasileiros. Acuado, Caiado demitiu a gerente de compra do Palácio e disse que cancelou a compra polêmica, mas se soube depois pelo Diáriio Oficial do Estado que a compra foi apenas suspensa por 120 dias.