AD

Padre Robson espera realizar a Romaria do Divino Pai Eterno em setembro

A Romaria do Divino Pai Eterno deste ano foi suspensa após reunião prévia entre os padres do Santuário Basílica do Divino Pai Eterno e a Paróquia do Divino Pai Eterno (Igreja Matriz). O evento, que não deixou de ocorrer em 180 anos, pode ser realizado em setembro, conforme projeta padre Robson de Oliveira.

“Faremos reuniões com os governos do estado e do município e também com profissionais competentes da área da saúde para ter uma avaliação precisa que nos permitirá programar uma nova data. Eu, pessoalmente, espero que em setembro, já estejamos aptos a realizar a festa. Acredito que nos próximos 15 ou 20 dias, já teremos uma resposta mais precisa sobre a realização ou não da festa na data tradicional”, informa.

Padre Robson lembra que parte dos romeiros é do grupo de risco. “Precisamos, mais que tudo, pensar no bem-estar dos romeiros do Divino Pai Eterno e não poderíamos fazer nada que coloque-os em risco. Boa parte dos romeiros faz parte do grupo de risco, que são os idosos. Por isso, precisamos ter muita cautela e tomar a decisão mais prudente”, assinalou.