Quatro auxiliares de Caiado deixam o cargo para disputar as eleições

Quatro integrants da equipe de governo de Ronaldo Caiado (DEM) vão deixar os cargos que ocupam , obedecendo o prazo da justiça eleitoral, que impõe a desincompatibilização a quem disputarão eleições municipais desse ano.

Da lista de quem sai, consta os  nomes do secretário de Indústria e Comércio, Wilder Morais, que quer ser candidato a prefeito de Goiânia. No lugar dele, assume o subsecretário de Atração de Investimentos e Negócios, Adonídio Neto Vieira, indicado pelo próprio Wilder.

Também deixa o governo a presidente da Ceasa, Vanusa Valadares. Ela será candidata a prefeira de Porangatu. O cargo será ocupado pelo marido dela, Eronildo Valadares.

Paulo Vitor Avelar deixará a chefia de Gabinete de Caiado. No lugar dele assumirá Alex Godinho, que atualmente ocupa o cargo de assessor especial.

O presidente da Agehab, Eurípedes José do Carmo, vai disputar a Prefeitura de Bela Vista.

O secretário-geral da Governadoria, Fábio Cammarota, também deve sair do governo, mas não é candidato. Em seu lugar ficará o Adriano Rocha Lima, primo de Caiado que atualmente ocupa a secretaria de Desenvolvimento Econômico e Inovação.