AD

Goiás é um dos estados que menos fazem testes para Covid-19 no País

A Organização Mundial da Saúde considera que o Brasil realiza poucos testes de Covid, em relação ao tamanho da população. E a subnotificação de casos é um obstáculo importante no enfrentamento da pandemia. Uma máquina quebrada processava 300 amostras por dia do PCR, o teste molecular mais eficaz para identificar a presença do coronavírus. Sem o equipamento, mais de mil amostras de pacientes de Goiás tiveram que ser enviadas para análise em São Paulo. A demora em obter o resultado preocupa.

“Eu dava um resultado em três dias e agora pode demorar de sete a dez dias. Esse é um ponto que demora”, explica Flúvia Amorim, superintendente de vigilância em Saúde de Goiás.

Veja matéria do Jornal Nacional