AD

MDB vai lançar 130 candidatos a prefeito em Goiás, garante Daniel Vilela

O MDB trabalha par lançar 130 candidatos a prefeito em Goiás. O presidente estadual do partido, Daniel Vilela, disse que espera recuperar espaço em algumas regiões e manter a hegemonia em outras localidades. O dirigente partidário avalia que as ações políticas foram bastante afetadas por conta da pandemia do novo coronavírus.

“Antes da pandemia, fizemos alguns eventos de lançamento de pré-candidatura, mas depois tudo ficou parado. Além de arriscado, ficou inapropriado fazer ações presenciais. Acreditamos que esse momento de pico vai passar. O partido tem definido em torno de 130 candidaturas a prefeito. É um número maior até do que a última eleição”, disse Daniel.

O MDB espera recuperar espaço em algumas regiões que tem enfrentado dificuldades nos últimos pleitos, por exemplo, em determinadas cidades do entorno e em Anápolis, cujo pré-candidato é o dentista Márcio Corrêa. O  presidente do MDB tamém aposta na quebra da polarização histórica entre os grupos de Jardel Sebba (PSDB) e Adib Elias (Podemos) em Catalao com a candidatura de renovação de Elder Galdino.

Daniel destaca que a legenda consegue manter o foco do planejamento para o pleito ao se reunir com lideranças por meio da internet.

“A pandemia parou o debate político de forma significativa. No interior talvez esteja mais intenso ainda. Mas de uma forma geral, houve uma parada da classe política, com toda razão e toda necessidade. Temos na medida do possível temos conversado por telefone, feito videoconferências com os diretórios municipais, pré-candidatos para que a gente mantenha de alguma forma a gente tenha ativa o debate, a discussão política”, relatou.

A intenção do partido é de ter um resultado eleitoral consistente, o que refletirá de forma positiva nas eleições estaduais de 2022.