Prefeitura de Aparecida de Goiânia inaugura Estação Cidadania-Esporte 

Aparecida está no seleto grupo de cidades brasileiras que têm centros de iniciação e formação esportiva de alto nível. A confirmação veio nesta quarta-feira (22) com a inauguração do Estação Cidadania-Esporte, no Parque Trindade, onde a Prefeitura de Aparecida passará a oferecer dezenas de modalidades olímpicas, paralímpicas e não olímpicas para crianças e adolescentes, alimentando o sonho de um dia ter aparecidenses na disputa de pódios olímpicos.

O complexo esportivo de 12 mil metros quadrados (m²), sendo mais de 3 mil m² de área construída, foi inaugurado hoje numa videoconferência realizada pela Prefeitura de Aparecida.

No evento online, o secretário municipal de Esporte, Lazer e Juventude, Gerfeson Aragão, falou diretamente do novo complexo, que foi apresentado por ele aos espectadores num tour virtual. Gerfeson ressaltou que mais de 3 mil pessoas, principalmente crianças e adolescentes de 6 a 16 anos, devem se beneficiar no local com as aulas de iniciação esportiva de alto rendimento.

“Em lugar nenhum do Brasil a gente vê um equipamento público assim, dessa grandeza, funcionando. Aqui, os nossos atletas poderão se preparar melhor para representar a cidade de Aparecida e do Estado de Goiás nos competições esportivas”, comemorou o secretário.

O prefeito Gustavo Mendanha lembrou que o Estação Cidadania-Esporte poderá ser utilizado também por atletas profissionais e esportistas amadores que moram no entorno do complexo e em outras regiões de Aparecida de Goiânia. “É um grande sonho realizado hoje”, disse Gustavo.

Fomento ao esporte

Visivelmente empolgado com a inauguração do complexo, o prefeito de Aparecida ainda ressaltou: “Hoje, em Aparecida, o atleta que quer disputar competições e ganhar medalha tem o apoio da Prefeitura, através do Bolsa-Atleta. Agora, com o Estação Cidadania-Esporte, queremos muito em breve ter um medalhista de Aparecida nas Olimpíadas”.

O programa Bolsa-Atleta, que foi sancionado em dezembro passado, recebeu investimento de R$ 500 mil para apoiar os esportistas de Aparecida neste ano.

Durante a videoconferência, o prefeito Gustavo Mendanha autorizou, ao vivo, a construção de uma academia da terceira idade para ficar à disposição dos idosos que já tem utilizado o entorno do Estação Cidadania-Esporte para se exercitar.

Diversos vereadores participaram da videoconferência. Almeidinha (MDB), que representa a região do Parque Trindade, disse que o Estação Cidadania-Esporte vai melhorar a qualidade de vida dos aparecidenses sobretudo daquela localidade. E concluiu: “É uma obra espetacular”.

O Estação Cidadania-Esporte foi construído em parceria da Prefeitura de Aparecida com o governo federal após a cidade ter sido escolhida, ainda na gestão do ex-prefeito Maguito Vilela, para receber o programa Centro de Iniciação ao Esporte, do antigo Ministério dos Esportes.

A obra se concretizou agora, na administração do presidente Jair Bolsonaro (sem partido). No atual governo, a gestão dos esportes passou para o Ministério da Cidadania, que esteve representado na videoconferência pelo secretário especial adjuntos dos Esportes, André Alves. Depois de assistir imagens do Estação Cidadania-Esporte, ele comentou: “Dá muito orgulho porque os atletas terão a oportunidade de trabalhar numa instalação desse nível”.

Homenagem

O complexo recebeu o nome oficial de Estação Cidadania-Esporte José Alves de Oliveira em homenagem ao vereador por Aparecida Meinha, que morreu em 2019, aos 68 anos. Ele era um dos parlamentares mais populares da Câmara Municipal na sua legislatura, iniciada em 2017.

Ex-esposa de Meinha, a professora Neuza Nunes agradeceu o reconhecimento: “Meinha era uma pessoa muito popular e foi um homem que lutou praticamente uma vida em prol da comunidade aqui, do setor Santa Luzia. Era um homem do bem, de coração muito honesto.”

Modalidades

O Estação Cidadania-Esporte oferece formação nas seguintes modalidades:

Esportes olímpicos: esgrima, handebol, boxe, jiu-jitsu, capoeira, ginástica, levantamento de peso, taekwondo, badminton, tênis de mesa, vôlei, basquete, judô e atletismo.

Esportes paralímpicos: esgrima de cadeira de rodas, judô, halterofilismo, tênis de mesa, voleibol sentado e goalball; e ainda o futebol de salão, considerado modalidade não olímpica.

No atletismo, um dos principais esportes olímpicos, as opções de modalidade são: salto em altura; raio de atletismo com 11 metros – e pista de 100 metros oficial, emborrachada; salto em distância e salto triplo; e arremesso de peso.

Infraestrutura

Além dos espaços para treinamento, o Estação Cidadania-Esporte possui arquibancada com capacidade para 185 espectadores, e elevadores acessíveis; salas para administração, professores e técnicos do esporte; vestiários com chuveiros (alimentados com energia solar) e sanitários; enfermaria; copa, depósito; almoxarifado e academia.

O Estação Cidadania-Esporte foi construído com investimento de R$ 4,4 milhões, sendo R$ 972 mil oriundos de contrapartida da Prefeitura de Aparecida e o restante, do governo federal.