Meios de comunicação condenados por danos morais: essa é a nova onda no Brasil

Talvez por falha das universidades de comunicação, tem crescido o volume de jornalistas que confundem liberdade de expressão com liberdade para caluniar. O resultado disso é que cada vez mais veículos de imprensa são condenados por danos morais.

O caso mais recente ocorreu no Amapá. O Tribunal de Justiça do estado condenou a TV Record e sua retransmissora, a TV Marco Zero, por danos morais ao senador João Capiberibe (PSB-AP). As emissoras terão ainda que pagar uma indenização de R$ 21 mil ao parlamentar.