Nem com oferta de cargos, Paulo Garcia consegue apoio de bloco de vereadores

O Popular revela que, depois de recusar a proposta para participar da base de o prefeito Paulo Garcia (PT), na Câmara de Goiânia, o bloco moderado esteve na terça-feira no Paço Municipal para informar oficialmente o descarte. O encontro com o petista durou pouco mais de meia hora.

Segundo o jornal, os cinco vereadores que integram o bloco justificaram que assumir uma pasta na administração prejudicaria a independência do grupo na Casa. Reportagem correlata acrescenta que os integrantes do bloco moderado voltaram a negar, ontem, qualquer negociação com o Paço em troca de apoio na Câmara – pelo menos em caráter oficial.

Em conversa com O Popular, Paulo Silva e Divino Rodrigues (ambos do Pros) e Zander Fábio (PSL) confirmaram que apresentaram demandas por obras e outros serviços, mas enfatizaram que não houve conotação de troca.