Assessora da Assembleia critica jornais e afirma que eles só publicam bobagens

Assessora da Assembleia de Goiás, a jornalista Heloísa Lima resolveu dar uma de ombudsman geral da imprensa e postou uma saraivada de críticas aos jornais.

Heloísa disse que os textos são mal escritos e que os jornais desinformam e só oferecem bobagens aos leitores. Criticou ainda a cobertura da morte de Mauro Borges, ironizando: “Teve momentos que achei que estavam falando de Jesus Cristo”, numa clara indireta ao jornal O Popular, onde ela já trabalhou.

E desabafou: “Platitudes, ufanismo, sebastianismo, pieguismo, saudosismo tolo, senso comum… Anda difícil ler jornal!”

A jornalista explicou o motivo da revolta com a qualidade dos jornais.

Veja os posts:

Heloísa Lima @hellogyn2 5 h

Seriam entretenimento, não andassem tão mal escritos. Um texto leve e bem escrito já é a redenção!

Muitas vezes os jornais informam, e são a base de transformações. Outras tantas desinformam. Só oferecem bobagens aos leitores!

Tudo bem. Mauro Borges foi um grande homem. Conquistou seu lugar na História. Mas teve momentos que achei que estavam falando d Jesus Cristo

Platitudes, ufanismo, sebastianismo, pieguismo, saudosismo tolo, senso comum… Anda difícil ler jornal!