Paulo Garcia dá banana para o MP e diz que decisão sobre veto a Plano Diretor é dele

Depois de atropelar a Universidade Federal de Goiás (UFG) e todas as outras entidades que eram contra o afrouxamento no Plano Diretor, o prefeito Paulo Garcia (PT) se prepara para atropelar, agora, o Ministério Público.

Contrário às alterações desde o início da discussão, o MP sugeriu ao prefeito Paulo Garcia que vete o projeto aprovado ontem pela Câmara Municipal. Em resposta, ouviu um cala-boca do prefeito, que está cansado de ser contestado.

“O veto compete a mim. É uma decisão individual”.

Isso sim é motivo de orgulho para quem votou nele na eleição passada.