AD

Sustentabilidade sofre duro golpe em Goiânia, afirma Tribuna do Planalto

Reportagem publicada hoje pelo jornal Tribuna do Planalto verbaliza a opinião que se generalizou na opinião pública desde que a Câmara aprovou o afrouxamento do Plano Diretor: a sustentabilidade sofreu um duro golpe na Capital.

Este é o título da extensa matéria, que conta em detalhes os bastidores da aprovação das mudanças e da ação impiedosa da prefeitura sobre os vereadores. “A Associação Ecológica Va­le do Meia Ponte (Verdivale) e representantes dos acadêmicos da UFG reivindicaram, ao longo das audiências públicas, que as mudanças do Plano Diretor fossem discutidas amplamente com toda a sociedade. Não foram atendidos”.

O jornal lembra que, na votação final, com os rostos pintados, narizes de palhaço e portando cartazes e megafone, os estudantes da UFG, membros da Verdivale e do Conselho de Arquitetura de Goiás (CAU) vaiaram os vereadores favoráveis ao projeto, cujas falas foram interrompidas a todo momento.

 

LEIA MAIS:

Tá explicado: triangulação para doação de campanha justifica mudança no Plano Diretor

Paulo Garcia dá banana para o MP e diz que decisão sobre veto a Plano Diretor é dele

Na campanha, prefeito falava que sustentabilidade era cuidar da natureza. Será que ele esqueceu?

Indústria agora pode ser erguida em área de manancial. Isso é sustentável, Paulo Garcia???

Paulo Garcia apunhala eleitor e joga no lixo seu conceito de Cidade Sustentável

Para justificar destruição do Meia Ponte, prefeito diz que região tem vocação econômica