Denunciado, Zander pede apoio de vereadores: “Hoje sou eu, amanhã serão vocês”

Denunciado pelo Ministério Público por suspeita de participação em uma organização criminosa que teria desviado pelo menos R$ 70 milhões do Parque Mutirama, o vereador Zander Fábio (PEN) subiu à tribuna pela primeira vez desde que foi formalizada a denúncia do promotor Ramiro Carpenedo e pediu apoio dos colegas para atestar sua inocência: “Hoje sou eu, amanhã serão vocês”.

Zander afirma que a denúncia do MP é “vazia” e baseia-se em “ouvi dizer”. O vereador diz que não indicou o também denunciado Dário Paiva à presidência da Agência de Turismo e Lazer (Agetul), em maio do ano passado. Ele admitiu, no entanto, que sugeriu uma entidade para receber alimentos doados ao Mutirama, conforme consta na denúncia.