Apesar de negar data-base, Iris já gastou  R$ 8,1 milhões com publicidade em 2017

Em que pese o fato de ter dito que não pode conceder data-base aos servidores municipais porque a prefeitura está falida, o prefeito Iris Rezende (PMDB) gastou a bagatela de R$ 8,1 milhões com publicidade só em 2017, de acordo com relatório entregue pela Secretaria Municipal de Comunicação (Secom) ao vereador Jorge Kajuru (PRP) na última quarta-feira. O valor exato: R$ 8.187 milhões, dos quais R$ 426 mil com blogs que o próprio Kajuru chama de “confidenciais” (porque ninguém lê ou sabe que existe).

O curioso, de acordo com o relatório, é que a prefeitura gastou com publicidade do BRT, uma obra que está muito longe de ser concluída, e que se transformou no maior elefante branco da história da Capital.