Haverá novo Enem para alunos prejudicados por falta de energia, como ocorreu em Uruaçu por causa da Celg-Enel

A empresa italiana Enel, nova dona da Celg, continua a causar prejuízos aos goianos, apesar da promessa de investir para melhorar a estatal goiana.

Por causa da Celg-Enel, muitos alunos que tentaram fazer a prova do Enem no último domingo terão de ser reexaminados pelo Ministério da Educação. O re-teste foi confirmado na manhã desta quarta-feira. Além de Uruaçu, o problema aconteceu também em Olinda (PE) e Teresina (PI).

Os alunos afetados poderão refazer a prova no dia 12 de dezembro e devem fazer a prova de matemática e ciências da natureza no próximo domingo (12), nos mesmos locais.