Marquinhos Palmerston desanca Raquel Teixeira: “Pior que não atender deputado é atender e mentir”

Marquinhos Palmerston (PSDB) engrossou, nesta quinta-feira, o protesto dos deputados estaduais da base aliada contra os secretários da administração do governador Marconi Perillo (PSDB) por negligência no atendimento aos parlamentares. O alvo de Marquinhos foi a secretária de Educação, Raquel Teixeira: “Pior que não atender deputado é atender e mentir”, disse o tucano.

Marquinhos afirma que, em agosto de 2016, a secretária foi a Caldas Novas – reduto eleitoral dele – e prometeu aos alunos do colégio JK a construção de uma quadra poliesportiva. A promessa, segundo o deputado, nunca saiu do papel. “Fica nesse lenga-lenga, nessa falação, e a gente ganha fama de mentiroso na cidade”.

Sobrou puxão de orelhas também para a procuradoria-geral do Estado pela morosidade na liberação de licenças para poços termais em Caldas e para a Secretaria da Fazenda. “O titular da Sefaz vai lá, promete que vai pagar a ambulância para o seu município, depois não atende, não recebe. Está faltando muito comprometimento’, afirma.

Na quarta-feira, o vice-presidente da Assembleia, Mané de Oliveira (PSDB), apresentou requerimento para obrigar auxiliares do governador a receber parlamentares toda segunda-feira. A proposta especifica que cada um que requerer atendimento terá direito a audiência de meia hora.

O deputado estadual Cláudio Meirelles (PR) fez o seu protesto, mas ponderou que, da parte do governador Marconi Perillo (PSDB), o tratamento é sempre o melhor possível. “Secretária de Educação pisa, Procuradoria pisa, todo mundo pisa. Aí, quando vai votar projeto, lotam a galeria para pedir nosso apoio. O governador quer, mas a coisa não acontece”. Jean Carlo (PHS) disse que foi destratado dias atrás.

Até o presidente da Assembleia, José Vitti (PSDB), deu bronca nos auxiliares do governo. Sua reclamação foi endereçada aos “gênios” da Secretaria da Fazenda, que segundo ele aumentam exigências burocráticas ao setor empresarial com o objetivo de ajudar cartórios.