Em primeira mão: Lewandowski livra Maurício Sampaio do júri popular. Empresário é acusado de matar Valério Luiz

O ministro Ricardo Lewandowski livrou do júri popular Maurício Sampaio, ex-presidente do Atlético Goianiense que responde pela morte do jornalista Valério Luz.

A decisão de Lewandowski contraria o juízo criminal de Goiânia, o Tribunal de Justiça de Goiás, o STJ e o próprio Lewandowski, que havia julgado incabível o habeas corpus da defesa de Sampaio.

Em janeiro deste ano, Lewandowski também beneficiou Sampaio com liminar que permitiu sua volta ao comando do principal cartório de Goiânia, ocupado por um concursado.

Com informações do site Antagonista