Tarifa de ônibus deve subir para R$ 4,05 na Grande Goiânia

Na próxima reunião da Câmara Deliberativa do Transporte Coletivo (CDTC) da Grande Goiânia, deve ser aprovado o aumento de 35 centavos no preço da passagem de ônibus da região metropolitana. A tarifa passará, desta maneira, dos atuais R$ 3,70 para R$ 4,05. A informação foi publicada nesta sexta-feira, véspera de Ano Novo, pelo jornal O Popular. Presente de Natal para população que vive em Goiânia e municípios vizinhos.

O processo já está com a Companhia Metropolitana de Transporte Coletivo (CMTC), depois de passar pela Agência Goiana de Regulação, Controle e Fiscalização de Serviços Públicos (AGR), que avalizou os cálculos de atualização tarifária na mais recente reunião do conselho curador do órgão.

A ata da reunião relata que houve, no entanto, ressalva por parte dos conselheiros: a de que o reajuste não consideraria as variações de preço que compõem a tarifa apenas no período de um ano, uma vez que não se discutiu aumento em 2017. Levou-se em consideração um lapso de tempo maior (22 meses, quando foi feita a última atualização).

Pelo contrato de concessão, o cálculo é feito com base nas variações do combustível, do índice de manutenção dos veículos, no salário dos motoristas, na inflação anual, com pesos diferentes para cada um dos itens, e tudo isso dividido pelo índice de passageiros por quilômetro. O valor chegou a R$ 4,0696 e foi arredondado para R$ 4,05, com o restante ficando para o aumento de 2019.

As empresas concessionárias querem o valor valha já a partir do dia 15 de janeiro, mas ainda não há previsão para novo encontro dos membros da CDTC.