Marconi volta a cobrar investimento do governo federal em Segurança

O ex-governador Marconi Perillo (PSDB) insistiu na necessidade de o governo federal ampliar investimentos na área da Segurança Pública. Em entrevista ao jornal da Record na noite desta sexta-feira, Marconi afirmou que os Estados sozinhos não conseguirão acabar com o crime organizado e cobrou, por exemplo, ações mais ostensivas contra entrada de armas e drogas pelas fronteiras. 

“Temos no Brasil a cultura da cadeia. Em vez de ter a cultura de fechar as fronteiras, que é por onde entram armas e drogas. Sozinhos, os Estados não conseguem acabar com o crime. Ano passado, investimos R$ 3,4 bilhões em Segurança, em Goiás. O nosso governo fez sua parte. A União, por sua parte, investiu R$ 150 milhões”, disse o ex-governador.