Editorial do Opção: Zé Eliton e Daniel vão subir e 2º turno pode ser imprevisível

Em longo editorial na sua mais recente edição, o Jornal Opção analisa a eleição para o governo de Goiás. O texto diz que os candidatos Zé Eliton e Daniel Vilela vão subir nas pesquisas porque ainda são menos conhecidos que Ronaldo Caiado e porque têm estruturas partidárias fortes e consolidadas.

O Opção escreve também que a campanha vai se formatando dentro de um conjuntos de ações: carreatas, ações de rua, cabos eleitorais, redes sociais e, claro, o horário eleitoral na TV e rádio, sendo que este último ainda não teve início.

“No momento, tanto José Eli­ton quanto Daniel Vilela estão se reunindo com setores organizados da sociedade e, ao mesmo tempo, se apresentando aos eleitores. O objetivo é se tornarem conhecidos — fisicamente mesmo — e chamarem atenção para suas ideias. Há um terceiro ponto: ambos estão trabalhando para mobilizar suas bases e militâncias eleitorais”, diz o texto.

“O segundo turno está garantido? Tudo indica que sim. Porque, como se disse acima, José Eliton e Daniel Vilela — e mesmo Kátia Maria — devem melhorar seus índices nas pesquisas de intenção de voto. Trata-se de um indicativo, não de uma certeza. Frise-se que, no segundo turno, o jogo é zerado e quem mais tem a perder é exatamente Ronaldo Caiado — pela possível falta de apoio partidário e de novos aliados”, afirma o Opção.

Leia a análise completa