Juiz manda emissora retirar propaganda mentirosa de Kajuru contra Marconi

O juiz eleitoral José Proto de Oliveira determinou com urgência que a emissora geradora deixe de veicular propaganda do candidato Jorge Kajuru (PRP) que distorce reportagem do jornal O Popular e tem como objetivo difamar o candidato Marconi Perillo (PSDB). Em outra liminar, o mesmo juiz já havia determinado que Kajuru e sua coligação deixassem de veicular a propaganda irregular.

Na propaganda, Kajuru mostra reportagem que fala da ação do Ministério Público sobre gastos do governo de Goiás com Educação. O juiz destaca, porém, que Marconi não foi julgado muito menos condenado. “A essência da mensagem é desvirtuar e falsear a reportagem, com claro propósito de denegrir a imagem (de Marconi)”, escreveu o juiz em sua decisão.

Nesta terça-feira, o ex-governador Marconi Perillo já havia criticado e chamado Kajuru de mentiroso e rei da farsa. “Kajuru é o rei da farsa, da tapeação e da malandragem. Não é doido nem psicopata, como alguns pensam. É o pior mau caráter que já conheci na vida. É um demônio vestido de anjo”, disse Marconi em entrevista na Rádio Sucesso.