Um fiasco chamado Luis Cesar Bueno: ele perde para PCO e PCB nas pesquisas para Senado após 4 mandatos de deputado

O amigo leitor já deve ter ouvido falar em Luis Cesar Bueno (PT), deputado estadual há quatro mandatos consecutivos. 

Neste ano, Luis Cesar é candidato ao Senado. De acordo com a última pesquisa Ibope/TV Anhanguera (registrada no TRE sob protocolo 09015/2018), o petista tem 2% das intenções de voto. 

Nos últimos 16 anos como deputado, Luis Cesar apostou num discurso contundente – para não dizer agressivo – contra o ex-governador Marconi Perillo (PSDB). Recorreu à baixaria e outros expedientes não-republicanos para atrair holofotes, mas só o conseguiu quando o Ministério Público o denunciou pela suposta existência de servidora fantasma no seu gabinete. 

Após 4 mandatos, Luis Cesar tem a mesma popularidade de representantes do 5º escalão da política goiana, como Santana Pires (Patriota e Professora Geli (PT).

Esta atrás, pasmem, dos candidatos do PCO (Alessandro Aquino) e do PCB (Magda Borges) ao Senado.

O deputado tem motivos de sobra para repensar o seu comportamento e o seu jeito de trabalhar. Parece que não deu muito certo até aqui.