Privilégio: Caiado coloca servidores sem salário da Sefaz para trabalhar, mas dispensa a primeira-ministra

Enquanto os servidores sem salários da Secretaria da Fazenda ralavam para atender aos caprichos do governador Ronaldo Caiado (DEM), a supersecretária e primeira-ministra da Economia, Cristiane Schmidt, descansava. Caiado colocou os funcionários da pasta para trabalhar em plena tarde de domingo, mas dispensou sua primeira-ministra. Aliás, como fez ontem.

Ontem, a primeira-ministra foi cortada da live em que Caiado apresentou, mais uma vez, sua numerologia de terra arrasada. Ontem, não havia dinheiro no caixa do Estado nem para comprar água. Hoje, milagrosamente, os recursos apareceram e o governador tirou do bolso o calote de dezembro.

Aliás, cabe a pergunta: Onde está Schmidt?