Calote de dezembro: em Valparaíso, professores do Colégio Estadual Almirante Tamandaré não voltam às aulas

Professores da rede estadual ao redor do território goiano seguem anunciando greves em resposta ao calote do governador Ronaldo Caiado (DEM) nos salários de dezembro. Em Valparaíso, o Colégio Estadual Almirante Tamandaré não deram início às aulas no primeiro dia do ano letivo de 2019.

Eles protestaram em frente à unidade contra o calote e o corte do vale-alimentação. Com faixas e cartazes, exigem o pagamento imediato de dezembro e afirmam que não retornarão às atividades mesmo com o depósito dos salários de janeiro, prometido pelo governo para esta segunda-feira. Os professores defendem, a exemplo das demais categorias de servidores, a manutenção do cronograma regular de pagamento.